terça-feira, 5 de junho de 2012

Jovem é presa após seduzir homens para assaltar casas na Grande SP


TV's LCD, Home Theater, Celulares, Som Portátil
Jovem é presa após seduzir homens para assaltar casas na Grande SP
Mulher levantava informações de vítimas para quadrilha de roubo de casas.
Engenheiro teve prejuízo estimado de R$ 1 milhão.

Um mulher foi presa em Embu-Guaçu, na Grande São Paulo, suspeita de seduzir homens a fim de pegar informações sobre eles para uma quadrilha de roubo de casas. Uma das vítimas, um engenheiro, teve um prejuízo estimado de R$ 1 milhão. Outras quatro pessoas também foram presas.

A quadrilha, segundo a polícia, usava a sedução para atrair as vítimas e conseguir detalhes de sua rotina e seus bens. “Havia a aproximação de uma pessoa do sexo feminino, a aliciadora, após ganhar a confiança ela passava a colher todos os dados que possibilitavam a prática do furto”, explicou o delegado Mário Watanabe.
Foi assim que a mulher de 28 anos conseguiu levantar as informações do engenheiro que teve a casa assaltada. “Ela se tornou muito íntima rapidamente”, contou o homem, que não quis ser identificado.
O engenheiro mora em uma casa que fica em um bairro residencial de classe média de Embu-Guaçu. Para entrar, os ladrões cortaram a cerca elétrica. Eles roubaram dinheiro e escrituras de imóveis que estavam em um cofre. O bem mais valioso levado pela quadrilha foi uma coleção de relógios importados. Segundo a polícia, o prejuízo pode chegar a R$ 1 milhão.
Três homens e a mãe de um quinto suspeito foram presos. Na casa deles, a polícia encontrou vários objetos roubados de outras vítimas – computadores, celulares e relógios, um deles avaliado em R$ 40 mil. Quatro armas também foram apreendidas.
G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se livre para deixar um comentário educado... O seu comentário poderá levar alguns minutos para ser exibido.