domingo, 18 de março de 2012

Detone suas dúvidas sobre sexo de uma vez


TV's LCD, Home Theater, Celulares, Som Portátil

É mais do que normal ter milhões de dúvidas antes da primeira transa. No entanto, é importante descobrir as respostas não só para matar a curiosidade, mas para se proteger de doenças e evitar gravidez indesejada. Para entender de uma vez por todas tudo o que pode ou não rolar em relação ao sexo, o D+ conversou com Carolina Ambrogini, ginecologista e sexóloga da Unifesp, e com a professora de Biologia e Educação Sexual Silvana Battestin. Confira:

É mesmo perigoso transar sem camisinha?
Com certeza. Camisinha evita gravidez não planejada e doenças sexualmente transmissíveis. Não apenas a Aids. O HPV, vírus que provoca lesões (inclusive cancerígenas), é mais comum do que se pensa, bem como os vírus das hepatites B e C. Sexo oral e anal também deve ser feito com preservativo.

HPV tem cura?
Ainda não, mas há tratamento para as lesões causadas pela doença. Para prevenir, existe vacina contra alguns tipos de vírus.

Tomar pílula anticoncepcional por muito tempo pode fazer mal?
Não, desde que seja o remédio certo para você. Por isso, é tão importante ter acompanhamento de um ginecologista, que deve ser consultado anualmente. O que não pode é esquecer de tomar um único dia e na hora certa.

O exame ginecológico de papanicolau tem de ser feito logo após a primeira transa?
O ideal é que seja feito até um ano após o início da atividade sexual. O exame é essencial, pois ajuda a diagnosticar lesões no colo de útero, entre outras possíveis alterações.

Pode tomar pílula do dia seguinte sempre?
Não, só em casos de emergência, como quando a camisinha estoura. Ela tem até 20% a mais de hormônio do que a pílula comum. Se tomada de forma exagerada pode desregular a menstruação, provocar dor de cabeça, retenção de líquido, sensibilidade nos seios, náusea, vômito e até trombose.

O corpo muda após a primeira relação sexual?
A mudança não tem a ver com perder a virgindade, mas com o período da adolescência em que cada um está.

A camisinha comum é mais eficaz do que a com aroma e gosto?
As duas são igualmente eficazes.

O nervosismo atrapalha e faz doer na hora de transar?
Pode acontecer. Se a mulher está tensa, ela contrai a musculatura da vagina e fica difícil ter lubrificação no local. A ansiedade também pode atrapalhar a ereção e ejaculação do homem.

A mulher demora mais para ter prazer?
Os mecanismos de excitação da mulher são diferentes do homem. Ela precisa de mais carinho, beijo e amasso para ficar excitada, mas tudo depende do casal e do momento.

Adolescente pode tomar viagra?
Não é recomendado e pode provocar dependência psicológica.

Na hora do sexo dá para perceber se o parceiro tem alguma doença?
Nem todas as doenças são visíveis, por isso, camisinha é importante.

Homem e mulher podem usar camisinha ao mesmo tempo?
Não é recomendado. Corre-se o risco de as duas estourarem, além de diminuir muito a sensibilidade.

É errado se masturbar?
Pelo contrário. Tanto meninos quanto meninas descobrem o próprio corpo e onde e como sentem prazer por meio da masturbação.

Diário do Grande ABC 
* Colaborou o Colégio Visconde de Itaboraí, de São Bernardo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se livre para deixar um comentário educado... O seu comentário poderá levar alguns minutos para ser exibido.