terça-feira, 12 de julho de 2011

Ladrão tenta roubar salão de beleza e é mantido como 'escravo sexual'


TV's LCD, Home Theater, Celulares, Som Portátil
Ladrão tenta roubar salão de beleza e é mantido como 'escravo sexual'

Moscou (Rússia) - Viktor Jasinski, 32 anos entrou armado num salão de beleza na intenção de roubá-lo. Depois de anunciar o assalto, ele não contava que a dona do salão, a faixa-preta em caratê Olga Zajac, 28 anos, ia conseguir surpreendê-lo com um chute e o amarasse com um cabo de secador de cabelo.

Em seguida a cabeleireira o levou para os fundos do salão, retirou suas roupas e o manteve como escravo sexual por três dias para "dar-lhe uma lição". Depois o dispensou com um: "Saia da minha frente!"
Cabeleireira fez ladrão de escravo sexual por 3 dias | Foto: Reprodução Internet

Viktor em seguida foi procurar um hospital para tratar os seus testículos inchados e contou a polícia que estava daquele jeito porque foi mantido como refém nos fundos de um salão, nu e com algemas rosas sendo mantido como escravo e não por causa do uso de Viagra como a polícia pensou.

Quando a polícia foi averiguar a questão com Olga, ela disse: "Fizemos sexo várias vezes. Mas eu lhe comprei um jeans novo, dei comida e ainda ele ganhou 1.000 rublos quando foi embora".

Acabaram os dois presos.

o dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se livre para deixar um comentário educado... O seu comentário poderá levar alguns minutos para ser exibido.