sábado, 4 de dezembro de 2010

Globo ignora "quarentena" e escala Gabriel Braga para vaga de Fábio Assunção


TV's LCD, Home Theater, Celulares, Som Portátil
Ator que deixa a tela da concorrência e que lá gozava de excelente exposição, segundo os princípios da direção da Rede Globo, pode até voltar a integrar o cast do plim-plim, mas deve amargar uma espécie de quarentena até ganhar papel de grande vitrine por longo período. Em tese.

A escalação de Gabriel Braga Nunes para a vaga de Fábio Assunção em Insensato Coração, próxima novela das 9 da Globo, põe por terra essa história toda. A escolha por Gabriel é perfeita. Quando o nome dele foi anunciado por outros veículos como um dos cotados para a missão, cá pensei: só pode ser ele, e a Globo só há de preterir o rapaz se for por tola questão de orgulho, já que ele nunca foi de fato protagonista na Globo, mas o foi, com êxito, na Record, nas duas novelas lá feitas por Lauro César Muniz. Há menos de um ano, ainda ostentava a linha de frente de Poder Paralelo como o dúbio Toni Castellamare.

A Globo pode até se empenhar em guardar na gaveta, por algum tempo, talentos recém-readquiridos da concorrência (aliás, da Record, visto que esse capricho nunca foi tomado com quem chegava do SBT ou da extinta Manchete, desde que valesse a pena). Certamente, não foi à toa que Márcio Garcia teve sua volta à Globo anunciada com tanta pompa, sem no entanto ganhar destaque à altura em seu primeiro trabalho pós-Record (o famigerado Bahuan, de Caminho das Índias).
Mas aquele negócio que prometia fechar portas a quem fosse embora é cada vez menos verdadeiro. Até Matheus Rocha, que fez A Fazenda, já grava especial de fim de ano para a Globo.

A emissora líder ainda é, de longe, a empresa de TV mais profissional para quem é do ramo, não há comparação entre a organização e os cuidados empenhados pela turma do Projac com luz e cenários. É certo, porém, que a queda de audiência da Globo há de forçá-la a ser menos rigorosa quanto aos talentos dispostos a migrar por outros canais (de novo, desde que esses valham a cena).

Gabriel já reapareceu na tela do plim-plim mas foi pano rápido para um episódio de As Cariocas. Não estava nos planos da Globo colocar o ex-galã da Record em tamanha evidência em prazo tão curto. Oxalá o personagem não seja reduzido a um Bahuan. Ele pode mais que aquilo.(R7)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se livre para deixar um comentário educado... O seu comentário poderá levar alguns minutos para ser exibido.