sexta-feira, 31 de julho de 2009

Gêmeas siamesas com duas cabeças unidas a partir do pescoço nasce nas Filipinas. Veja


TV's LCD, Home Theater, Celulares, Som Portátil
Caso, raríssimo, afeta um a cada 80 mil nascidos. As crianças têm dois cérebros e dois corações, mas compartilham órgãos fundamentais, como pulmões e rins

Caso raro na medicina
Bebê nasceu com duas cabeças nas Filipinas. Apesar de terem dois corações, dividem órgãos fundamentais, como os rins e pulmões

Um caso raríssimo foi registrado no hospital Dr. Jose Fabella, em Manila, capital das Filipinas. O nascimento, na terça-feira (28), de gêmeas siamesas com duas cabeças unidas a partir do pescoço. É um caso de dicefalia monozigótica e ocorre em um a cada 80 mil partos. A condição está ligada a um problema de divisão das células embrionárias dentro do útero durante a gravidez.

As crianças, do sexo feminino, têm duas colunas, dois cérebros e dois corações, mas apenas uma cavidade abdominal, dois pulmões, dois rins e um par de pernas. Por isso, seria impossível separá-las. O caso foi noticiado pela rede de TV americana CBS.

O fato de dividirem órgãos vitais, como o pulmão, e terem duas cabeças, apresenta um risco ainda maior de saúde. Mas como elas têm dois corações, aumentam as chances de sobrevivência. Os corações, contudo, não estão totalmente desenvolvidos e, por isso, as crianças permanecem internadas.

"É um caso muito raro", disse Ruben Flores, diretor do hospital filipino, em entrevista à TV. "É novo até para nós".


O nascimento de gêmeos é comum na família Arciaga mas, durante o pré-natal, os exames de ultra-som mostravam apenas um bebê. Salvador Arciaga, pai das siamesas, trabalha como um motorista de triciclo e fez um apelo público por ajuda financeira. "Ajudem nossos bebês. Nos deem apoio para estender suas vidas", disse.

Os pais têm esperança que as filhas consigam ter uma vida saudável, como as americanas Abigail e Brittany Hensel, de 19 anos, do estado de Minnesota.

Irmãs siamesas americanas
Aos 19 anos, elas conseguem levar uma vida saudável

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se livre para deixar um comentário educado... O seu comentário poderá levar alguns minutos para ser exibido.